A síndrome de Down é uma condição genética geralmente causada por uma cópia extra do cromossomo 21, que faz com que a criança nasça com algumas características específicas, dentre elas, hipotonia muscular, atraso no desenvolvimento neuropsicomotor (DNPM) com diminuição do equilíbrio corporal.


A Equoterapia é considerada fundamental para esses casos onde, a partir da escolha do cavalo e posicionamentos adequados do praticante sobre ele, estimula-se a todo momento a co-contração nas articulações do corpo com adequação desse tônus, desenvolvimento das fases do DNPM e ganho de força muscular, sem contar no ganho de equilíbrio, onde o movimento tridimensional do animal desafia a todo momento o praticante à essa conquista! Ganhos cognitivos e psico-afetivos também são trabalhados, sendo possível o praticante alcançar maior autonomia conduzindo seu cavalo com independência seguindo as regras da equitação!


Mas atenção! A Equoterapia só pode ser iniciada a partir dos 3 anos de idade, após a realização do Raio X cervical, para verificar se não há subluxação entre a primeira e segunda vértebras!

Compartilhe:

Direcione seu Imposto de Renda para nosso Projeto